Quinta-Feira
24 / 05 / 2018

Geral

Após 48h de greve, usuários do Detran-PI reclamam de atrasos em documentos

Há três meses terceirizados não recebem salário, ticket alimentação, vale transporte, décimo terceiro, férias ou FGTS. Governo do Estado afirma que fará pagamento na segunda-feira (5).

03/02/2018 - Edivan Araujo


Greve deixou guichês do Detran-PI vazios.
(Foto: Andrê Nascimento/ G1 PI)

ervidores do Detran-PI, do Hospital Getúlio Vargas e do Centro Administrativo estão em greve desde a quarta-feira (31). Os servidores denunciam que estão há até três meses sem receber salário, ticket alimentação, vale transporte, décimo terceiro, férias ou FGTS. A greve tem gerado dificuldades para os usuários do Detran receberem documentos. Governo do Estado afirma que fará pagamento na segunda-feira (5).

O motorista da Uber Francisco Caldas há dois dias tenta emitir a documentação do seu carro, sem sucesso. “A gente querendo trabalhar e não consegue. E é uma coisa que eu já paguei, só quero receber o documento. A gente tenta andar correto, mas como?”, questiona o motorista.

O Detran-PI, o HGV e o Centro Administrativo operam com 30% dos servidores terceirizados. No Detran-PI, em Teresina, a greve deixou os guichês vazios. Os serviços que continuam durante a greve são os de recebimento de Carteira Nacional de Habilitação (CNH), liberação de veículos apreendidos e vistorias em veículos.

Os servidores reivindicam o pagamento dos salários. Cinco empresas estão com os salários dos servidores em atraso. De acordo com Thiago Reis, diretor do Sindicato dos Terceirizados do Estado do Piauí, as empresas provaram que o pagamento não foi feito por que os valores não foram repassados pelo Governo do Estado.

“Tem gente que já passou mal, por conta de depressão. Com água, luz, telefone, aluguel atrasados... Estão em uma situação deplorável”, comentou o sindicalista. Os servidores são de cargos variados, desde servidores do administrativo até do setor de limpeza.

Governo do Estado

Em entrevista à TV Clube, o secretário de fazenda do estado, Rafael Fonteles, informou que alguns trabalhadores estão há 90 dias sem receber salários, mas que a prioridade do governo é o pagamento dos terceirizados, que deve acontecer na segunda-feira (5). Segundo ele, a dificuldade no pagamento ocorreu devido à data da abertura do sistema orçamentário de 2018.

“Para se ter uma ideia, a abertura no ano passado aconteceu somente em 13 de fevereiro, esse ano vamos conseguir pagar na próxima semana. Esses trabalhadores são fundamentais para o funcionamento do Detran, Sasc, Sesapi e da própria Sefaz. As próprias empresas deveriam assegurar esse pagamento, mas a crise afetou a todos”, declarou o secretário.

Comentários
Não encontramos nenhum comentário cadastrado. Seja o primeiro!
Geral: Veja também
Facebook
Copyright - © - 2011 - 2018 AgoraED. Todos os direitos reservados.
Endereço: Rua XX, Quadra 16 Casa 39
Bairro Belo Norte - Picos - Piauí
Telefone (89) 9 8101-8323
Email: agoraed@hotmail.com
Recação AgoraED "A informação acima de tudo".
Somente os artigos não assinados são de responsabilidade deste portal.
Os demais não representam necessariamente a opinião desta editoria e são de inteira responsabilidade de seus autores.